domingo, 7 de abril de 2013

UM MUSEU AO AR LIVRE

Era uma vez um homem chamado Geraldo que veio do Ceará e resolveu se instalar em Nova Friburgo, cidade serrana do Rio de Janeiro, onde no início viveu como artista plástico fazendo trabalhos em madeira.

Um dia, a madeira ficou escassa, e ele resolveu caminhar por seu sítio que fica dentro da Mata Atlântica, na estrada que liga Friburgo - Teresópolis, e teve uma visão que no barranco de terra que estava a sua frente tinha o formato de uma mulher.

Nasceu assim sua primeira escultura em encostas.

Ele não parou mais, transformando ali mesmo seu ateliê natural. 



Epa!... Você está pensando que é mais uma crônica criada por mim, que semanalmente posto, feita para vocês???


Não é não. Geraldo Simplício nasceu em Aurora - CE - em 1943. Expôs seus trabalhos em Fortaleza, Recife e por influência da crítica de arte Cecilia Falk se mudou para Friburgo sem imaginar que iria descobrir na terra sua "massa de trabalho".

Nêgo, como é conhecido, é um homem simples e poderosamente criativo (como você pode ver nas fotos).

Seu sítio se transformou no Jardim do Nêgo e é o primeiro museu do gênero no mundo.


Esculturas enormes, em torno de 30 obras, tomam conta do Jardim do Nêgo e todas elas tem uma mensagem profunda sobre a vida e o nosso país.

- Sou muito feliz no que faço - disse ele em uma entrevista.






 Só esse comentário serve para refletirmos sobre o que estamos fazendo na vida. Somos felizes com o que construímos?


 Foi impressionante ver a índia parindo uma criança, o presépio (pergunto: onde está o Menino Jesus?), a mulher presa nas pedras (para se refletir sobre a catastrofe dos desabamentos nas encostas), o nordestino (esperando ajuda de mãos divinas), a tartaruga, o sapo, o elefante tentado sair do atoleiro e tantos outros. A riqueza dos detalhes, expressão, gestos das esculturas e a participação da natureza que cobre o barro com um tipo de vegetação rasteira criando essa camada verde que podemos perceber.

 Participei de um City Tour de um hotel da região e resolvi colocar algumas fotos.




O Jardim do Nêgo funciona todos os dias, de segunda-feira a domingo, das 7h às 17h.









Cada visitante paga uma taxa mínima para manutenção e crianças de até 12 anos têm acesso livre.












Recomendo que visitem a cidade que possui outros atrativos os quais pretendo postar no futuro.

JARDIM DO NÊGO

RJ-130, Km 55 – Campo do Coelho, Nova Friburgo. Tel: (22) 2543-2253



-----------------------

BOA SEMANA PARA TODOS 

4 comentários:

Prof. Adinalzir disse...

Ai está um recanto de Nova Friburgo que eu não conhecia. Muito maneiro!
Parabéns! Adorei a postagem.

... da Cost@ disse...

Obrigado, Prof. Adnalzir. Seu apoio e crítica sempre importante. Boa semana.

Anônimo disse...

Lugar lindo. Vale apena conhecer o trabalho deste artista. Parabéns pela postagem. Jacqueline.

... da Cost@ disse...

Obrigado, Jacqueline. O Brasil possui estas e outras relíqueas. Uma terra abençoada. E olha que estamos só pensando no Estado do Rio de Janeiro, imagina quantos lugares mágicos e criativos devam existir.